2.10.09

O lado certo do papel higiênico. Sim, ele existe.

Amigos são pessoas muito úteis mesmo.
Outro dia, uma amiga saiu do banheiro da minha casa dizendo:
- Seu papel higiênico estava do lado errado, mas eu já consertei.

A revelação foi um choque.
Como assim?
- Papel higiênico tem lado certo?
Ela me olhou com desprezo:
- Não acredito que você não sabe disso...

Não, eu não sabia.
Havia passado minha vida inteira sem saber de um detalhe que parecia tão óbvio para os demais presentes, que agora faziam aquela cara de "santa ignorância!" para mim.

Nunca, nunca, em toda minha existência, eu tinha reparado que: ou puxamos o papel higiênico por cima ou por baixo. E que o certo, pra quem não sabe, é por cima.

Sem querer dar o braço a torcer, me fiz de rebelde.
-Quem fez essa regra? Por que é o certo? Por que preciso seguir esses padrõezinho pré-estabelecidos?

Mas a descoberta me fez refletir sobre como o conhecimento adqüirido nos faz perder completamente a inocência.
Tipo Platão e seus homenzinhos na escuridão da caverna.

Depois que passei a saber que existe um lado certo,
simplesmente não consigo colocar mais do lado errado.
Uma maldição.
Como uma vítima de Transtorno Compulsivo Obsessivo, fico checando banheiros alheios, virando papéis colocados por pessoas inocentes que só fizeram aquilo porque, assim como eu, não sabiam o que estavam fazendo.

Fico avisando para todo mundo (esse post inclusive cumpre essa função) que o papel tem o lado certo, querendo dividir minha descoberta genial, mas todos com quem falo me olham com pena, fazendo "tsc, tsc".
Exatamente como eu fiz, anos atrás, quando um amigo veio me informar:
"Sabe aquela música "uma barata chamada kafka", dos Miquinhos? Parece que tem um livro com essa história..."
Castigo.

p.s: Fui buscar embasamento científica sobre o assunto e aí estão os perigos de se colocar papel do lado errado:

4 comentários:

Bizoca disse...

Eu coloco certo. Mas confesso que não por achar ser certo ou errado, mas porque é a maneira que mais se adequa ao rolinho do meu banheiro. Na minha casa antiga, era o contrário. O errado ficava melhor, pois o certo ficava empurrando a abinha que escondia o rolo de maneira bem péla-saca e acabava atrapalhando. Daniel não liga, coloca do jeito que ficar. Eu vou lá e conserto, mas porque realmente acho melhor. Nessa casa, do jeito errao o papael fica muito colado na parede e ruim de pegar...
Enfim, tudo no mundo é relativo ;o)
Beijão

Roberta disse...

Eu me canso de "corrigir" essa falha em todo banheiro que entro, igualzinha a vc agora. Pense numa raiva que me dá quando o vejo colocado do lado 'errado"..kkkkkkkk

Francine.VS. disse...

Verdade!
E pode perceber que todos os homens na hora de repor o papel, qndo repoe, sempre colocam errado... a maioria das mulheres acertam... com exceção de algumas que nem sabiam disso, rs!

Angélica Lopes disse...

Genial!